top of page
  • Foto do escritorcontato418428

Quer descobrir se é menino ou menina?





A sexagem fetal é uma ótima opção para as famílias que querem descobrir antecipadamente o sexo do bebê. 


O exame é simples, seguro e permite descobrir o sexo do bebê antes mesmo da ultrassonografia tradicional. É feita uma pequena coleta de sangue da mãe, assim é possível analisar fragmentos do DNA do feto para saber se é menino ou menina através da presença de determinados cromossomos. 


COM QUANTAS SEMANAS É POSSÍVEL SABER O SEXO?


A sexagem fetal pode revelar o sexo do bebê após a 8ª semana de gestação, mas a 11ª semana é considerada a melhor para obter resultados mais precisos. Isso ocorre porque conforme a gestação avança, aumenta o número de células fetais e DNA fetal no sangue da mãe.


COMO É FEITO O EXAME DE SEXAGEM FETAL?


O exame de sexagem fetal é realizado através de uma simples coleta de sangue da mãe, que contém fragmentos do DNA do feto. Com base na análise molecular, é possível identificar se o bebê é menino ou menina.

O exame mostra se o cromossomo Y está presente ou não. Se for identificado, significa que os pais terão um menino. Se não for identificado, significa que será uma menina.


QUANTO TEMPO LEVA PARA OBTER O RESULTADO DA SEXAGEM FETAL?


Normalmente, o resultado da sexagem fetal leva cerca de duas semanas para ser disponibilizado.


COMO INTERPRETAR O RESULTADO DO EXAME?


O exame tem apenas dois resultados possíveis. Se a sexagem fetal mostrar a ausência da região SRY, indicando a ausência do cromossomo Y, o bebê será uma menina. Se for identificada a presença da região SRY, indicando a presença do cromossomo Y, o bebê será um menino.


E SE FOR UMA GESTAÇÃO DE GÊMEOS?


O exame de sexagem fetal também pode ser feito por mães de gêmeos. A diferença é que um resultado negativo para o cromossomo Y significa que a gestação é apenas de meninas. Um resultado positivo para o cromossomo Y significa que pelo menos um dos fetos é menino, mas não indica que o outro bebê também seja.


É POSSÍVEL QUE O SEXO DO BEBÊ ESTEJA INCORRETO NOS RESULTADOS?


No geral, o exame é bastante preciso se realizado a partir da 8ª semana de gestação. O resultado da sexagem fetal pode ser afetado se a gestante já tiver recebido transfusão de sangue, tenha feito um transplante de órgão em algum momento da vida ou se as gestações forem resultado de fertilização in vitro.


QUAL É A DIFERENÇA ENTRE A SEXAGEM FETAL E OUTROS TESTES?


A sexagem fetal é um exame simples e rápido, realizado através de uma coleta de sangue, e sua taxa de precisão é quase 100%. Os outros testes são diferentes. Vejamos:

- Ultrassom morfológico: é uma ultrassonografia capaz de identificar o sexo do bebê e pode ser feito a partir do primeiro trimestre de gestação.

- Ultrassom específico do tubérculo genital fetal: é uma ultrassonografia que analisa diretamente a região genital fetal, identificando assim o sexo da criança.

- Intelligender: é um exame de urina, realizado como um teste de gravidez de farmácia. Se a luz ficar laranja, significa que é uma menina; se ficar verde, é um menino. No entanto, sua sensibilidade é menor do que a sexagem feita no sangue.


SEXAGEM FETAL PARA IDENTIFICAR PROBLEMAS GENÉTICOS


A sexagem fetal não identifica problemas genéticos. No entanto, a diferença entre o sexo revelado pela sexagem e o identificado em exames de imagem pode ajudar a suspeitar de algumas doenças, como hiperplasia congênita da adrenal, síndrome da feminização testicular e outras condições raras. Para um diagnóstico preciso dessas doenças, existem métodos mais precisos e sensíveis, como o exame de NIPT e exames genéticos específicos, que devem ser realizados em laboratórios especializados.




Ficou alguma dúvida? Estamos preparadas para esclarecer tudo o que você precisa saber antes de realizar o exame! Depois, é só curtir esta descoberta com a gente! 


A Vacinar Faz Bem está à sua espera! Entre em contato com nosso time e agende seu exame!


204 visualizações0 comentário

Commentaires


bottom of page