top of page
  • Foto do escritorcontato418428

Amamentar pode tornar seu bebê mais inteligente



Com certeza você já ouviu falar de pelo menos um dos diversos benefícios do aleitamento materno a curto prazo, tanto para o bebê quanto para a mãe.

O leite materno é um alimento completo, possuindo todos os nutrientes necessários para o desenvolvimento do bebê, além de proteger contra alergias e eczema, reduz o risco de viroses e outras infecções, reduz as chances da síndrome da morte súbita no lactente, entre outros benefícios.

Mas você sabia que existem efeitos a longo prazo também?

Alguns estudos mostram que a amamentação na infância protege a criança de desenvolver diabetes tipo 1 e 2 após adultos, assim como reduz os riscos de leucemia e linfoma e de desenvolver obesidade.

Os benefícios não param por aí. Alguns cientistas estudaram a possibilidade de a amamentação estar ligada com a inteligência, a habilidade de aprender, realização educacional e até a renda aos 30 anos de idade!


Será verdade mesmo que a amamentação pode influenciar no nosso QI?


Sabemos que o aleitamento materno promove o desenvolvimento do cérebro e da inteligência nos pequenos, mas ainda não existiam evidências de que esses benefícios se estendem até a vida adulta.

Até que foi realizada uma pesquisa na Universidade Federal de Pelotas, aqui no Brasil, que concluiu que a amamentação prolongada não só aumenta a inteligência do indivíduo até pelo menos os 30 anos, como também tem impacto no seu nível social, por aumentar a realização educacional e sua renda até essa idade.

Para esse estudo, foram analisadas 6000 crianças nascidas na cidade de Pelotas no ano de 1982. As informações a respeito da amamentação foram coletadas na infância, e ao completarem 30 anos, os participantes foram submetidos a um teste de QI e questionados sobre sua educação e renda.

Todas essas informações estavam disponíveis apenas para 3493 de todos os participantes. Os participantes desse estudo eram de classes sociais diferentes, de modo que isso não fosse um fator que pudesse interferir nos resultados.

O resultado do estudo mostrou que quanto mais tempo a criança foi amamentada, melhores foram os resultados em relação ao QI, a educação e a renda aos 30 anos de idade.

Parece que a quantidade de leite ingerida pelo indivíduo quando criança influenciou diretamente nesses resultados. Os cientistas afirmam que os ácidos graxos presentes no leite materno são essenciais para o bom desenvolvimento dos nossos neurônios.


A lista de benefícios da amamentação só cresce e deixar de amamentar pode trazer consequências a curto e a longo prazo. Por isso, procure a ajuda de um profissional caso você sinta qualquer dificuldade em amamentar.

Aqui na Vacinar, oferecemos Consultoria em Amamentação, para ajudar as mamães nesse momento tão importante e especial. O seu pequeno agradece!


Amamentação é saúde, e disso a gente entende!


Vacinar faz bem ❤


46 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page